terça-feira, 25 de agosto de 2015

Rotatória no Nova Piracicaba passará a se chamar 'praça Madre Celina' Autoria de projeto de lei aprovado nesta segunda-feira é de Capitão Gomes



Rotatória no Nova Piracicaba passará a se chamar 'praça Madre Celina'


Autoria de projeto de lei aprovado nesta segunda-feira é de Capitão Gomes


Será denominada de "praça Maria da Conceição de Souza - Madre Celina" a rotatória localizada no cruzamento entre as avenidas Paulista e Armando Césare Dedini, no bairro Nova Piracicaba. O projeto de lei 74/2015, cuja nova redação foi aprovada na 44ª reunião ordinária, nesta segunda-feira (17), é de autoria do vereador Capitão Gomes (PP).
Nascida em São Paulo (SP), em 13 de fevereiro de 1926, a freira Maria da Conceição de Souza, que, como religiosa, era chamada de "irmã Maria Celina da Imaculada Conceição", chegou a Piracicaba em 1956, atendendo ao apelo do então bispo dom Ernesto de Paula para criar o Mosteiro das Concepcionistas. Morreu em 10 de setembro de 2014, aos 88 anos.
Como salienta Capitão Gomes, a denominação de um espaço próximo ao Santuário de Nossa Senhora dos Prazeres, no Nova Piracicaba, busca perpetuar a memória da religiosa, de modo que "a comunidade católica e os cristãos em geral jamais se esqueçam do legado de uma mulher de coragem, perseverança, fé e bondade, que dedicou toda a sua vida em favor dos mais necessitados".

sábado, 8 de agosto de 2015

meu pai....

Tenho quase 50 anos e tenho um pai de 82 anos! sou o caçula de 05 irmãos... então minha irmã mais velha, Cecilia Polezel, a Cila tem 60 anos e tem pai, firme, forte e ativo! graças a Deus! somos da roça, caipiras do bairro Rolador, da Fazenda Taquaral, nosso pai, o Seu Zé, o Nenê, o Maidana, o Beringela é um homem maravilhoso, simples, com pouquíssimo estudo, mas com uma sabedoria sem igual! Há alguns anos teve que reaprender a viver sem a presença da esposa, após 60 anos decasados... nossa mãe partiu sem aviso, de repente, sem que ele tivesse tempo de se preparar e ficamos na dúvida de como seria a partir daquele momento a vida do pai... a mãe colocava comida no prato pra ele, pendurava a toalha e a cueca no box pra ele tomar banho, marcava médico pra ele sem que ele soubesse, enfim cuidava dele....mas ele nos surpreendeu de novo e continuou sua vida, sem reclamar, sem exigir nada dos filhos, morando sozinho! o único desabafo que ouvimos eventualmente é que é muito triste ficar sozinho nos dias de chuva ou nublados..começou á cozinhar com quase 80 anos e cozinha muito bem! faz tudo com receita e medida e critica as mulheres da família que cozinham de "olho" sem medidas! sua polenta tornou-se lendária, melhor que todas!á noite não adianta telefonar pra ele pois ele estará no Luiz ou no Baiano jogando truco, até venceu alguns campeonatos! Quando perguntado se quer casar de novo a resposta é padrão: "as novas não me querem e eu não quero as velhas....".
assim, preciso dizer que eu, e meus irmãos, Cila, Zé, João não temos opção á não ser sermos bons, pois é o minimo de tanto que aprendemos de nosso pai...