Márcia Pacheco aplaude historiador por livro sobre Madre Celina

O historiador Claudinei Pollesel receberá da vereadora Márcia Pacheco (PSDB) a moção de aplausos 124/2015, pelo lançamento do livro Madre Celina – Testemunha da Alegria. A propositura foi aprovada nesta segunda-feira, 29, na 39ª reunião ordinária.
Segundo a vereadora, Pollesel – que integra o IHGP (Instituto Histórico de Piracicaba) – coordenou a produção da obra e fará o lançamento em 5 de julho, após a missa das 10h30 no Mosteiro da Imaculada Conceição, na Vila Resende (avenida Armando Cesare Dedine, 891).
Madre Celina morreu aos 88 anos, em 10 de setembro de 2014. Desde então, informa a vereadora na propositura, as irmãs concepcionistas (Maria Beatriz, Maria Lúcia, Maria Inês, Rosa e madre Maria Antônia) queriam produzir um livro que retratasse a história da religiosa. Elas registraram no papel todas as suas lembranças e tiveram ainda a ajuda dos familiares.
A obra – com 500 exemplares e 200 páginas – contém fotos antigas e atuais, textos e 28 testemunhos de amigos, parentes e admiradores, além de religiosos, políticos, familiares, e pessoas próximas a Madre Celina. A receita da venda será utilizada para a construção de uma capela para guardar os ossários das irmãs que passaram pelo mosteiro.


Texto:  Rodrigo Alves - MTB 42.583

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

IMIGRANTES ITALIANOS QUE VIERAM NO VAPOR MANILLA EM 30 DE OUTUBRO DE 1897

POLESEL, POLLESEL, POLEZEL, POLIZEL, POLEZER, POLEZELLI, POLESELLO

FAMILIA EVANGELISTA - COMPANHEIROS NO VAPOR MANILA